Recomendações para confecção de relatórios

De DCA-Wiki

Recomendações para a confecção do relatório

Para facilitar o processo de correção e reforçar a necessidade profissional de procurar sempre produzir material claro e organizado, principalmente quando estes serão apresentados a outros, segue um conjunto de observações que devem ser atendidas na confecção dos relatórios desta disciplina. A não observação destas recomendações acarretará uma redução da nota a ser atribuída ao relatório.

  • Apresentar no início do relatório: A atividade a que se refere o relatório; o professor e a turma; nome(s) e RA(s) do(s) autor(es) do relatório;

Exemplo:

EA-870 Laboratório de Computação
Relatório 1 – dd/mm/aaaa
Autor:Beltrano de Tal RA YYYYYY Turma:


  • Apresentar o relatório em folhas de mesmo tamanho, grampeadas e numeradas em seqüência. Retirar eventuais picotes e rebarbas das folhas. As listagens dos programas devem ser apresentadas em anexos grampeados ao relatório. Identificar os anexos e numerar a folhas. Observar que mesmo grampeado o relatório deve permitir a leitura de todos os detalhes de seu conteúdo.
  • Identificar claramente os exercícios e suas repostas (não é necessário copiar o enunciado). Identificar claramente as respostas associadas a itens e subitens. Caso a solução seja um programa, indicar no corpo do relatório o anexo que contém a listagem do programa. É importante que os anexos também estejam identificados e numerados. Apresentar as respostas na mesma ordem em que os exercícios foram propostos.
  • O relatório deve ser digitado e impresso.
  • A entrega de qualquer listagem tanto em linguagem Assembly como em C é de competência do professor da turma, em exigir ou não, ou seja, em COMBINAR com os alunos: que listagem entregar. Sobretudo, chama-se a atenção para os FLUXOGRAMAS dos programas. Fluxogramas, sempre, devem ser entregues. O fluxograma deve expressar informações suficientes, afim de que, quem o lê é capaz de interpretar e escrever o programa que o mesmo expressa.
Ferramentas pessoais